pesquisa de colaboradores identificar time feliz

Muitas empresas focam na satisfação dos clientes e acabam deixando para segundo plano uma importante parte da equação para o sucesso empresarial: os colaboradores. Além de recrutar e treinar uma equipe adequadamente, a empresa também precisa estar atenta à satisfação dos colaboradores, pois ela é automaticamente convertida em produtividade.

Campanhas de motivação, melhores benefícios e assistências, plano de carreira – e de salários – e oportunidade de crescimento são algumas das várias formas de manter um time feliz. Porém, nem sempre essas medidas bastam para estabelecer uma harmonia e produtividade entre todos de um grupo. Então, como apurar o nível de satisfação dos colaboradores e saber que sua equipe está feliz em seus empregos?

Se esta é uma preocupação da sua empresa, parabéns! Isso é um forte indício de que sua empresa busca um ambiente de trabalho produtivo e que contribua para a sociedade de forma responsável e edificante. Reunimos, a seguir, alguns fatores que indicam a satisfação – ou falta de – dos seus colaboradores para que você possa descobrir se eles estão felizes no ambiente de trabalho. Acompanhe!

Visão otimista

Não existe previsibilidade no mundo dos negócios. Não é possível afirmar que o excesso de pedidos de um dia se repetirá em todos os outros. Funcionários felizes enxergam os problemas como oportunidades e entendem que aquela situação não está atrapalhando sua rotina, mas capacitando com novos conhecimentos e experiências.

Gratidão e apreço

Colaboradores felizes demonstram – seja em gestos ou em declarações claras –  gratidão. Primeiramente, é claro, por estarem empregados, mas também por possuírem um clima organizacional positivo, colegas de trabalho parceiros, gerentes que apoiam o crescimento de suas carreiras e benefícios que realmente são úteis.

Sociabilidade

Até mesmo os colaboradores mais tímidos ficam mais sociais do que o normal quando estão satisfeitos com seus trabalhos. Isso reflete positivamente na comunicação interna, em possibilidades de trabalho em equipe mais enriquecedoras e criativas e também em momentos divertidos em eventos da empresa e nos famosos happy hours.

Procrastinação e sobrecarregamento

Quando o trabalho é estressante, podem ser postergados para um próximo turno ou colaborador. Quando existe a satisfação dos colaboradores, eles compreendem a importância da execução no momento certo, que atrasos propositais podem sobrecarregar outros colegas e diminuir a qualidade de suas atividades que terão que ser feitas com mais rapidez e menos atenção. Não postergando, não acumulam suas atividades.

Iniciativa

Ter iniciativa e disponibilidade é um indício de satisfação e comprometimento com o trabalho. Quando um colaborador se prontifica a ajudar ou oferece sugestões para solucionar um problema, está demonstrando que se importa com a empresa e que quer vê-la prosperar.

Sinceridade e orgulho

Um time feliz também sente liberdade para criticar quando necessário sem medo de represálias. Eles se sentem ouvidos e respeitados por seus conhecimentos, e sentem-se orgulhosos por fazerem parte da história da empresa.

Aproveitamento dos momentos de lazer

Funcionários estressados dificilmente desligam de suas preocupações, mesmo fora do ambiente de trabalho. Estão sempre sofrendo e pensando no que fizeram ou precisam fazer. Isso faz com que não aja um ciclo saudável entre trabalho e descanso. Os funcionários felizes conseguem aproveitar seus momentos de lazer para aliviarem e recarregarem suas energias.

Identificar o nível de satisfação dos colaboradores deve ser uma tarefa diária. Entretanto a acertabilidade da avaliação pode ser potencializada por uma pesquisa de clima organizacional feita em ambiente sigiloso, aonde os funcionários podem responder questionários que avaliam estes comportamentos.

E então, nossas dicas indicaram que sua equipe está satisfeita? Existe alguma informação sobre a satisfação dos colaboradores que você gostaria de descobrir através de uma pesquisa de satisfação online e sigilosa? Deixe seu comentário!

Deixe um comentário